A B C D E
F G H I JK
L M N O P
Q R S T U
VXY Mogiana em MG
...
Bernardino de Campos
Sodrélia
Santa Cruz do R. Pardo
...

ramal de SCRPardo-1935
...
ESTIVE NO LOCAL: SIM
ESTIVE NA ESTAÇÃO: SIM
ÚLTIMA VEZ: 2000
...
 
Sorocabana Railway (1908-1919)
E. F. Sorocabana (1919-1966)
SODRÉLIA
(antiga FRANCISCO SODRÉ)
Município de Santa Cruz do Rio Pardo, SP
Ramal de S.C.R. Pardo - km 473,623 (1924); 461,586 (1931); km 413,653 (1960)   SP-0390
Altitude: 623 m   Inauguração: 06.04.1908
Uso atual: abandonada (2015)   sem trilhos
Data de construção do prédio atual: 1908
(*) As quilometragens foram alteradas em 1928, devido às retificações feitas entre São Paulo e Iperó neste ano e em 1953, (**) devido às retificações feitas entre Conchas e Manduri neste ano.
 
 
HISTORICO DA LINHA: O ramal de Santa Cruz foi aberto em 06/04/1908, partindo da estação de Bernardino de Campos, na linha do Tibagy. Foi financiado em boa parte pela Câmara Municipal de Santa Cruz do Rio Pardo. Era na verdade a parte inicial de um projeto que visava chegar com a linha até o rio Paraná, ao norte da foz do rio do Peixe, o que nunca aconteceu. Em 15 de novembro de 1966, o ramal foi desativado. Os trilhos foram retirados e as estações caíram no abandono.
 
A ESTAÇÃO: A estação de Francisco Sodré foi aberta com o ramal, em 1908, em terreno cedido à ferrovia.

Em 1949, passou a se chamar Sodrélia. A essa altura, um pequeno bairro rural, com o nome da estação, já havia se desenvolvido junto a ela.

Em 15 de novembro de 1966, com o fim do ramal, a estação foi desativada.

Em 2000, servia de moradia, ficando à margem da estrada de rodagem que une Bernardino de Campos a Santa Cruz do Rio Pardo. Em 2015, estava em péssimo estado. Parecia abandonada.

TRENS - De acordo com os guias de horários e outras fontes, os trens de passageiros pararam nesta estação de 1908 a 1966. Ao lado, a situação do ramal em 1956. Clique sobre a reportagem para ver mais detalhes sobre esses trens. Veja aqui horários em xxxx (Guias Levi).
(Fontes: Ralph M. Giesbrecht, pesquisa local; Debora Silveira; Guilherme Gaensly; Eduardo Gerodetti; Adriano Martins; Folha da Manhã, 15/4/1956; E. F. Sorocabana: relatórios anuais, 1905-69; Mapa - acervo R. M. Giesbrecht)
     

A estação de Francisco Sodré, em 1923. Foto Guilherme Gaensly, acervo Eduardo Gerodetti

No lugar dos trilhos, a rodovia, (22/10/2000). À esquerda, casa da antiga vila ferroviária. À direita, ao fundo, a estação. Foto Ralph M. Giesbrecht

A estação de Sodrélia, em 22/10/2000. Foto Ralph M. Giesbrecht

A estação de Sodrélia, em 22/10/2000. Foto Ralph M. Giesbrecht

A estação, já bem pior, em 07/2007. Foto Adriano Martins

Em 1/2011, a estação estava em péssimo estado. Foto Rene A. Almeida

A estação em 11/2015. Foto Debora Silveira
   
     
Atualização: 01.06.2017
Página elaborada por Ralph Mennucci Giesbrecht.